27 territórios de identidade são contemplados com recursos do programa Aldir Blanc, diz Secult

-
Foto: Divulgação

Os 27 territórios de identidade da Bahia foram contemplados com editais do Programa Aldir Blanc Bahia (PABB), de acordo com o que divulgou nesta quinta-feira (14) a Secretaria de Cultura do Estado da Bahia (Secult). 


De acordo com a pasta, somente com os editais, foram executados cerca de R$ 92 milhões para cerca de 1.870 projetos pagos até o dia 31 de dezembro de 2020 ou empenhados para pagamento em janeiro de 2021.

Os certames estão sendo coordenados pela Superintendência de Desenvolvimento Territorial da Cultura (Sudecult), pelo Centro de Culturas Populares e Indenitárias (CCPI) e pelas unidades vinculadas: Fundação Pedro Calmon (FPC), Fundação Cultural do Estado da Bahia e pelo Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia (Ipac). Todos os recursos são via Lei Aldir Blanc, direcionada pela Secretaria Especial de Cultural, do Ministério do Turismo.

O programa Aldir Blanc Bahia  foi criado para a efetivação das ações emergenciais de apoio ao setor cultural. As ações consistem na transferência da renda emergencial para os trabalhadores e trabalhadoras da cultura e na realização de chamadas públicas e concessão de prêmios.

(BN)