Após compra da Saúde, Butantan vai cancelar acordo da CoronaVac com Mutuípe, Amargosa, Laje, Cruz das Almas, Vera Cruz e mais de 170 cidades

Rafael Barifouse - Da BBC News Brasil em So Paulo

Após o Ministério da Saúde formalizar acordo para a compra de 100 milhões de doses da CoronaVac, o Instituto Butantan deve cancelar os acordos com os 184 municípios que declararam interesse em adquirir o imunizante. Mutuípe, Amargosa, Laje, Cruz das Almas e Vera Cruz na Bahia chegaram a firmar o acordo.

Segundo Dimas Covas, presidente do Instituto Butantan, todas as doses disponíveis serão repassadas à pasta, assim que a Anvisa aprovar o uso emergencial, para que sejam utilizadas no Plano Nacional de Imunização (PNI). O órgão deve analisar neste domingo (17) a autorização do uso emergencial para grupos específicos no país.

“O critério é populacional. Todos os estados vão receber da mesma maneira. O acordo com os municípios era para o caso de o Ministério se recusar a comprar a vacina, mas como firmamos a parceria isso não vai acontecer”, disse Dimas Covas, à CNN .

(IG Saúde / Mídia Bahia)