Bombeiros socorrem mulher após anel ficar preso ao dedo em Luis Eduardo Magalhães

-
Foto: Divulgação

Uma mulher foi socorrida por bombeiros do do 2º Subgrupamento de Bombeiros Militar (2º SGBM), após ficar com um anel preso ao dedo médio nesta sexta-feira, 14, em Luis Eduardo Magalhães, na região Sudoeste da Bahia.

De acordo com informações da assessoria do grupamento, o fato aconteceu depois da vítima constatar um inchaço no dedo médio, que teria sido causado por uma queda de bicicleta. O edema impediu a retirada do anel da maneira comum.

Ainda conforme o órgão, no atendimento, os militares utilizaram uma minirretífica para cortar o acessório e conseguiram resolver o problema em poucos minutos. Depois disso, eles lavaram a área e recomendaram que a mulher procurasse atendimento médico.

Bombeiros dão dicas sobre a utilização de anéis:

• Não utilize o acessório caso ele esteja apertado ao dedo;

• Evite realizar atividades físicas utilizando anéis;

• Em sinais de inchaço, retire a peça imediatamente e só volte a usar quando o inchaço diminuir.

• Em caso de picada de abelha, retire o anel imediatamente do dedo;

Os bombeiros também alertam que em situações do tipo, quando as soluções caseiras não funcionarem, o ideal é que se procure um grupamento de bombeiros mais próximo. Na maioria dos casos, a retirada é simples e acontece em poucos minutos.(A Tarde)