29.7 C
Santo Antônio de Jesus
quinta-feira, 21 março , 2019.

Mp

NOSSAS REDES

5,332FãsCurtir
24,361SeguidoresSeguir
1,629SeguidoresSeguir
2,742InscritosInscrever

AS MAIS LIDAS

Blogueira imobiliza motorista de aplicativo que agredia duas passageiras

Foto: Reprodução / Instagram
Uma mulher interrompeu a agressão de outras duas ao imobilizar um motorista de aplicativo que chutava e machuva duas passageiras, mãe e filha, durante uma corrida. O caso aconteceu na terça-feira (12), e foi relatado nas redes sociais da blogueira fitness Jully Oliveira, que foi quem interrompeu a agressão e imobilizou o homem. Segundo o relato de Jully, ela estava passando de carro quando viu o homem chutar uma mulher no chão. No texto, Jully conta ainda que o motorista de aplicativo se incomodou porque uma das mulheres estava passando mal e com vontade de vomitar.

S. A. de Jesus: suspeito morre em confronto com a polícia no Loteamento Sales

Foto: 14º BPM
Por volta das 13h policiais da SOInt (Setor de Operações de Inteligência) receberam informação de que um grupo de homens fortemente armados invadiram o Loteamento Sales em Santo Antônio de Jesus deflagrando vários disparos de arma de fogo. Ainda segundo as informações, o grupo teria sequestrado uma menor com o objetivo de leva-lá a um matagal e executá-la por ser parente de um rival que se encontra preso, com a intenção de controlar do tráfico de drogas naquela localidade.

Garota de 17 anos é apreendida com submetralhadora na fila do Ferry Boat

Crédito da Foto: divulgação/SSP-BA
Uma adolescente de 17 anos foi apreendida pela polícia com uma submetralhadora na fila do Ferry Boat, no bairro do Comércio, em Salvador. O flagrante aconteceu na tarde desta segunda-feira (11/3), por uma equipe da 16ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM/Comércio), que desconfiou da garota e revistou a sacola levada por ela. Além da arma, também foram apreendidos carregador e munições. Aos militares, a garota relatou que teria recebido a arma na Gamboa e entregaria a um comparsa no Ferry.

Locutor Jotinha, o “Rei do WhatsApp” é internado após passar mal

Foto: Bocão News

O locutor e narrador esportivo Jotinha também conhecido como 'Rei do Whatsapp', de 50 anos, foi internado em um hospital próximo da região de Elísio Medrado (BA), município próximo à cidade de Amargosa e a cerca de 240 quilômetros de Salvador.

Segundo informações enviadas ao BNews, o anão que é fenômeno nas redes sociais passou mal. Em um áudio compartilhado nas redes sociais, ele relata que passou por exames e passa bem.

Acidente de trânsito deixa vítima fatal no Centro de S. A. de Jesus

Foto: Reprodução
Um acidente de transito com vítima fatal foi registrado na noite desta sexta-feira (15) na Avenida ACM, Centro da cidade de Santo Antônio de Jesus. Segundo informações de testemunhas, dois homens em uma motocicleta se chocaram com uma van, perderam o controle do veículo e foram ao chão.

INSTAGRAM

Alan Sanches cobra ao MP apuração de supostas irregularidades em redução da fila de regulação

Foto: Divulgação
O deputado estadual Alan Sanches (DEM), apresentou nesta quarta-feira (14), requerimento ao Ministério Público Estadual (MPE) cobrando apuração de supostas irregularidades em redução da fila da Central de Regulação do Sistema Único de Saúde (SUS). De acordo com a publicação da própria Secretaria Estadual de Saúde (Sesab), a central de regulação havia atingindo um patamar abaixo de mil pacientes na “fila” para procedimentos, o que representa redução de mais de 50%, se comparado ao mês de outubro de 2018. “Seria motivos de muita comemoração, afinal é de conhecimento de todos que essa fila é um dos problemas que mais atormentam a população baiana que depende do SUS, da qual muitos dos pacientes não resistem à espera e vêm a óbito antes mesmo da prestação adequada de atendimento pelo Estado. Porém, informações chegadas ao nosso gabinete dão conta de que a propagada redução pode ser resultado de uma alteração duvidosa no procedimento interno do órgão”, lamentou o deputado.

F. de Santana terá espaço de escuta especializada para crianças e adolescentes vítimas de violência

Foto: Reprodução / MP
O Ministério Público estadual firmou um Termo de Compromisso de Ajustamento de Conduta (TAC) com o Município de Feira de Santana para criação de um espaço de escuta especializada para crianças e adolescentes vítimas de violência. De acordo com termo, o Município disponibilizará uma sala dentro de um imóvel, dotado de boas condições de acessibilidade, salubridade e segurança, com banheiro em perfeitas condições de uso, e boas instalações elétricas, hidráulicas e de segurança, no prazo de 120 dias. O documento foi assinado pelas promotoras de Justiça Idelzuith Freitas de Oliveira Nunes, Monia Lopes de Souza Ghinone, Jó Anne da Costa Sardeiro e Mariana Pacheco de Figueiredo. Segundo as promotoras de Justiça, o Estatuto da Criança e do Adolescente, “confere a devida relevância às opiniões proferidas pelas crianças e adolescentes, com o direito de serem ouvidas por equipe interprofissional, respeitado seu estágio de desenvolvimento e grau de compreensão”.

Crime foi motivado por atuação de Marielle em favor das minorias, diz MP

Foto : Reprodução
A coordenadora da Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco/MPRJ), Simone Sibilio, em entrevista coletiva na tarde de hoje (12), destacou que as investigações mostram uma motivação política para o assassinato da vereadora Marielle Franco e do motorista Anderson Gomes, em março do ano passado. "Está suficientemente indicado que houve motivação política pela atuação de Marielle em favor das minorias", relatou a promotora de Justiça. A promotora reafirmou que não é possível afirmar, ainda, se há um mandante do crime. "Nenhuma linha de investigação é descartada

MP diz que suspeito de matar Marielle alegou ter sido avisado sobre prisão

Foto : Reprodução / TV Globo
O suspeito de ter efetuado os disparos que mataram Marielle Franco e Anderson Gomes, policial reformado Ronnie Lessa, afirmou ter sido avisado sobre a Operação Lume, pela qual foi investigado e preso hoje (12). A informação foi divulgada pela coordenadora do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Rio de Janeiro (MP-RJ), Simone Sibílio.

Close