Ellen Page anuncia que é transgênero e muda nome para Elliot

-
Mark Blinch-14.mar.2016/Reuters

Elliot Page, artista de “The Umbrella Academy” e “Juno” antigamente conhecido como Ellen Page, usou seu Twitter para anunciar que é transgênero.

“Oi, amigos. Gostaria de compartilhar com vocês que sou trans, meus pronomes são ele/they (pronome neutro) e meu nome é Elliot”, escreveu em um longo texto publicado na rede social nesta terça-feira (1).

“Sinto sorte por estar escrevendo isso. Por estar aqui. Por ter chegado a este lugar na minha vida. Sinto uma gratidão imensa por todas as pessoas incríveis que me apoiaram ao longo desta jornada.”

“Não tenho palavras para expressar como é incrível finalmente amar quem eu sou o suficiente para buscar meu autêntico eu”, escreveu, recebendo em seguida o carinho dos fãs. Muitos se disseram orgulhosos e agradeceram por Elliot compartilhar sua história.

“Vou oferecer todo o apoio que puder e continuar a lutar por uma sociedade mais amorosa e igualitária”, seguiu Elliot.

“Eu amo ser trans. E quanto mais eu me mantenho perto e abraço totalmente quem sou, mais eu sonho, mais meu coração cresce e mais eu prospero.”

No texto, Elliot ainda citou o número da violência contra transgêneros em 2020, afirmando que “a estatística é assustadora” e pediu paciência.

“Minha alegria é real, mas também é frágil. A verdade é que, embora eu sinta uma profunda alegria nesse momento e sabendo quanto privilégio tenho, eu também sinto medo.”

“Sinto medo pela invasão, pelo ódio, pelas ‘piadas’ e pela violência.”

“Para todas as pessoas trans que lidam diariamente com assédio, auto-aversão, abusos e ameaças de violência: eu vejo vocês, eu amo vocês e eu farei tudo o que puder para mudar esse mundo para melhor.”

A carreira de Page, de 33 anos, despontou em 2005 ao estrelar o filme “Menina Má.Com”. Dois anos depois, integrou “Juno”, filme pelo qual recebeu indicações em diversas premiações. Desde 2019, está no elenco da série “The Umbrella Academy”.

Em 2014, durante uma conferência em Las Vegas, se declarou homossexual.

“Estou aqui hoje porque sou homossexual. E porque talvez possa causar um efeito positivo. Ajudar outros para que sua vida seja mais fácil e esperançosa. Sinto que tenho uma obrigação pessoal e uma responsabilidade social em tudo isto.”

(G1)