Mulher acusa vendedor de loja de preconceito racial em Vitória da Conquista

Foto: Reprodução/TV Sudoeste

Uma jovem denunciou um vendedor de uma loja em Vitória da Conquista, a 132 km de Brumado, por injúria racial. Segundo ela, o homem insinuou que ela estaria nua por vestir uma roupa preta. Segundo a TV Sudoeste, o caso ocorreu nesta terça-feira (26). Após ser detido, o homem foi liberado em seguida.

De acordo com a jovem, que não quis se identificar, ela seguia para o trabalho quando ouviu o primeiro comentário do vendedor ao passar pela loja em que o homem trabalhava. Ela disse que ignorou. No entanto, quando ela seguia para o ponto onde trabalha, o suspeito fez outros comentários racistas, comparando a cor da roupa com a da pele e insinuando que ela estava nua.

Com apoio da irmã e de outras pessoas que estavam na rua, a jovem resolveu denunciar o acusado. Policiais militares foram acionados e levaram o homem para o Distrito Integrado de Segurança Pública (Disep) onde o caso foi registrado. Um inquérito foi aberto para investigar o caso. O vendedor, que foi liberado, vai responder por injúria racial.

(Achei Sudoeste)