Senador Arolde de Oliveira morre vítima de complicações da Covid-19

-
Reprodução/ Senado

Morreu na noite desta quarta-feira (21), aos 83 anos, o senador Arolde de Oliveira (PSD-RJ). Vítima de complicações causadas pela Covid-19, ele estava internado desde o começo do mês. O parlamentar era um dos aliados do presidente Jair Bolsonaro no Rio de Janeiro.

Nas redes sociais, o perfil oficial do senador informou sobre o falecimento: “Comunicamos que nesta noite (dia 21 de outubro) o Senhor Jesus recolheu para si nosso amado irmão. Falecido vítima de Covid e como consequência a falência dos órgãos. A família agradece o carinho e orações”. 

Deputado federal por nove mandatos consecutivos, elegeu-se senador em 2018. Arolde era evangélico e defendia a flexibilização do Estatuto do Desarmamento, a redução da maioridade penal e se mostrava contra a legalização do aborto e das drogas.

Quem deve assumir o cargo no Senado no lugar de Arolde é o primeiro suplente Carlos Francisco Portinho, advogado fluminense.

(BNews)