Coordenador da 4ª Coorpin fala das ações no combate a criminalidade em S. A. de Jesus e Cruz das Almas

Foto: Voz da Bahia

O Coordenador da 4ª Coorpin (Coordenadoria Regional de Polícia do Interior) em Santo Antônio de Jesus esteve no programa Meio-dia e Meia na Live do Voz da Bahia e falou sobre os últimos crimes ocorridos em Santo Antônio de Jesus e Cruz das Almas.

CRIMES EM SAJ:

Inicialmente, Dr. Edilson pontuou aqui os últimos crimes ocorridos no município e reforçou que a sua maioria está ligados ao tráfico de drogas, “só no último fim de semana nós tivemos quatro homicídios, eles contra eles, mas a polícia estava atenta e estamos nos reunimos imediatamente com comandante da Polícia Militar para traçarmos operações conjunta no âmbito de toda a Coordenadoria e da área do 14º Batalhão e nós já temos uma operação caminhada nesses casos e deflagramos. Chama-se a Operação Gênese, onde foi preso três indivíduos envolvidos com tráfico de drogas, dois em flagrante, um por mandato de prisão preventiva e o outro resistiu à prisão e infelizmente veio a óbito”, explicou.

SEQUESTRO EM CRUZ DAS ALMAS:

O delegado aproveitou ainda a ocasião para falar sobre o sequestro ocorrida em Cruz das Almas. Segundo o Coordenador, o acusado já tem um currículo na vida do crime, “não conformado com o término do relacionamento, ele culpou a filha dela, por isso, então terminou matando a menina de 16 anos e sequestrou a mãe que ficou em cárcere privado por três dias com essa senhora, mas a polícia conseguiu intervir e identificar onde era o cativeiro e resgatamos essa mulher com vida e o indivíduo na fuga revidou abordagem da polícia e nessa troca de tiro também veio a óbito”, diz.

ESTATÍSTICAS DA VIOLÊNCIA:

O delegado esclarece também, que sobre as estatísticas de crimes ainda não é possível fazer o balanço pois esses números são contados semestralmente, “não temos ainda como prever como será a estatística desse ano, mas a polícia já vem com diversas ações e muitas já estão sendo tomadas como Operação Genesis para intervir esses crimes”, esclareceu.

FURTO EM UMA LOJA DA CIDADE:

O coordenador explicou que sobre o caso roubo em uma loja de confecção aqui no município, apontou que ainda não pode dar maiores detalhes, “tem alguns casos que enquanto não são elucidados a gente mantem o sigilo e esse caso está na 1ª delegacia com o Dr. Adilson Bezerra, então prefiro que ele fale por que ele está a frente do caso”, expôs.

QUIOSQUES ARROMBADOS:

Recentemente alguns quiosques foram arrombados na Praça Padre Mateus. Magalhães aproveitou a oportunidade para afirmar ter conhecimento desses casos, “como coisas de pequena monta houveram os arrombamentos e foram roubos fúteis de poucas moedas, bebidas, crimes cometidos por pessoas doentes viciadas e que não ficam presas por muito tempo”, concluiu.

Reportagem: Voz da Bahia