Corinthians bate Ferroviária em Quito e é campeão da Libertadores feminina

-
Foto: Agência Corinthians

O Corinthians venceu a Ferroviária nesta segunda-feira (28), em Quito, no Equador, e conquistou a Taça Libertadores da América feminina. O triunfo por 2 a 0 sobre a equipe de Araraquara na decisão do certame garantiu à equipe do Parque São Jorge um título inédito – em 2017, o time venceu a competição em parceria com o Audax, mas a Conmebol considera o clube de Osasco como o campeão daquele ano.

A partida serviu como tira-teima entre as duas equipes, que se enfrentaram em fases de mata-mata no Paulistão (vencido pelo Corinthians) e do Brasileirão (conquistado pela Ferroviária).

Na disputa continental, o triunfo foi das alvinegras, que foram às redes com Giovanna Crivelari aos 29 minutos do segundo tempo e Juliete, no minuto final da partida. O resultado manteve a longa invencibilidade do Timão na temporada – já são 43 partidas sem derrota, sendo o último revés registrado em 21 de março.

Assim como no título da Libertadores conquistado por sua equipe masculina em 2012, o Corinthians venceu a disputa de forma invicta, com cinco vitórias em seis jogos.

A conquista garantiu ao clube paulista uma premiação de US$ 85 mil (cerca de R$ 339 mil) – para efeito de comparação, o campeão da Libertadores masculina embolsará, ao todo, R$ 72 milhões (R$ 287 milhões).

(Bahia.Ba)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui