Empresa de equipamentos audiovisuais sofre golpe em Salvador: ‘prejuízo de R$ 100 mil’; suspeito se passou por locatário

Cerca de R$ 100 em equipamentos foram roubados — Foto: Reprodução / Redes Sociais

A empresa de locação de equipamentos audiovisuais, Iglu Locações, localizada no bairro do Rio Vermelho, em Salvador, denuncia ter sofrido um golpe, que causou prejuízo de cerca de R$ 100 mil.

De acordo com os proprietários da empresa, um homem entrou em contato para alugar equipamentos para produzir uma live. Ele enviou um motorista por aplicativo para retirar o material e depois disso desapareceu. Pelo aluguel, seria pago cerca de R$ 3 mil.

De acordo com Petrus Pires, diretor de fotografia e sócio da Iglu, o suspeito usou dados falsos e de uma empresa de terceiros para entrar em contato e acertar o aluguel de vários equipamentos, como lentes de câmeras fotográficas profissionais, microfones, baterias e outros itens. Ao todo mais de 30 itens foram roubados.

“Ao fazer os trâmites para a locação, nós averiguamos o que podíamos averiguar mas não nos demos conta que os dados que ele forneceu eram falsos e de terceiros”, conta Petrus.

Ele detalha que a pessoa enviou um motorista por aplicativo para pegar os equipamentos ainda no domingo (17) e que, mesmo depois da retirada, continuou se comunicando com a empresa. O suspeito alegou que seus próprios equipamentos estariam chegando de São Paulo de avião, mas houve atraso com o vôo.

Foi apenas por volta das 22h, quando o suspeito parou de responder, que Petrus diz ter se dado conta de que poderia ter sofrido um golpe.

“Eu já tinha ouvido falar de um caso parecido com este em São Paulo, mas jamais imaginei que poderia acontecer com a gente. Depois que divulgamos o caso nas redes sociais, uma pessoa de Minas Gerais contou que também já tinha passado por um golpe com o mesmo modus operandi’, explica.

Um boletim de ocorrência foi registrado na delegacia e a Polícia Civil está investigando o caso. A locadora divulgou o roubo nas redes sociais, alertando para a possível venda dos equipamentos em sites de classificados e redes sociais. (G1)