Feira de Santana tem dois anos seguidos com reduções de mortes; diz SSP

-Foto: Divulgação
Foto: Divulgação

No ano passado ocorreram 349 casos, já em 2018 a polícia contabilizou 369 e, no ano de 2017 aconteceram 371 mortes.

“Assim como no restante do Brasil, cerca de 80% dos casos têm relação com o tráfico de drogas. As vítimas, na maioria dos casos, são integrantes de organizações criminosas ou usuários de entorpecentes com dívidas. Diante disso, aperfeiçoamos o nosso trabalho integrado com a PM no combate das facções”, contou o titular da 1ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), delegado Roberto Leal.


O comandante de Policiamento na Região Leste, coronel Luziel Andrade, por sua vez, lembrou que a polícia está mas ruas 24h, diariamente, porém a violência deve ser combatida por todos. “Não temos o poder de evitar que um jovem entre para a criminalidade. Esperamos que em 2020 todos trabalhem em conjunto em busca de uma sociedade melhor”, completou o oficial.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui