Governo afunda navios, e Bolsonaro celebra: ‘Muitos naufrágios virão’

0
180
-
Foto: Divulgação

O presidente Jair Bolsonaro celebrou na noite desta segunda-feira (16), em postagem no Twitter, o afundamento de dois navios na praia de Tamandaré, em Pernambuco, e afirmou que “muitos naufrágios virão pelo Brasil”. A ação faz parte do Programa Nacional de Revitalização do Ecoturismo Náutico, proposto pela Embratur para estimular o turismo de mergulho e abrigo de peixes na costa brasileira.

Os navios Riobaldo e Natureza, que passaram por um processo de remoção de tinta para evitar intoxicação da água, estavam em estado avançado de deterioração, aportados no píer do Cepene (Centro Nacional de Pesquisa e Conservação da Biodiversidade Marinha do Nordeste) desde 2006, sem navegar desde então. O afundamento foi, assim, a opção adotada pelo governo para dar início este programa turísico.

- Anúncio -

A iniciativa do afundamento partiu do ICMBio (Instituto Chico Mendes) com apoio da Marinha do Brasil (Capitania dos Portos de Pernambuco), do Departamento de Oceanografia da UFPE e da Polícia Federal – a Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), a Secretaria de Ecoturismo do Ministério do Meio Ambiente e o Ibama também participam do programa. O intuito é, posteriormente, montar uma exposição no Cepene, com peças das embarcações.

O afundamento de vagões, aeronaves, embarcações de diversos tamanhos, estátuas gigantes e viaturas blindadas em áreas propicias para o mergulho e o desenvolvimento de pousadas, hotéis e resorts, estão na mira da parceria entre Embratur, Ministério do Meio Ambiente e a Marinha do Brasil.

(Bahia.ba)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui