Nova opção de saque pode ser liberado para o Bolsa Família

-
Imagem: Divulgação

Caixa Econômica Federal vai usar o aplicativo “Caixa Tem” para liberar uma nova função. Trata-se do pagamento digital do Bolsa Família.

O aplicativo, inicialmente inventado para realizar pagamentos de benefícios emergenciais durante pandemia, como, por exemplo, o FGTS e auxílio emergencial, agora também servirá para o Bolsa Família. Até então, o pagamento é efetuado somente nos caixas das agências ou nos caixas eletrônicos.

O presidente da Caixa, Pedro Guimarães, explicou que o público do benefício assistencial é mais sensível à questão das tecnologias. Por esse motivo, a conta digital para pagamento do Bolsa Família será oferecida “com tranquilidade”, disse ele.

A nova opção vai permitir que o beneficiário opte por um pagamento de sua preferência, seja de maneira digital ou pelos meios tradicionais. Sem a necessidade de comparecer a uma agência para sacar os recursos do programa, a modalidade vai poder evitar aglomerações.

Caixa Tem

O CAIXA Tem é o novo aplicativo da CAIXA criado para facilitar o acesso de todos os brasileiros a serviço sociais e a diversas transações bancárias.

O app está disponível para download nas lojas Android e iOS.

No app, é possível acessar informações sobre o Auxílio Emergencial, benefícios e programas sociais, além de informações ao trabalhador como FGTS, Abono Salarial do PIS e Seguro-Desemprego.

Além disso, com esse app é possível fazer compras na internet utilizando o Cartão de Débito Virtual, gerado gratuitamente no próprio app e, também, compras no comércio por meio de um QR Code gerado pelo lojista na própria maquininha do estabelecimento comercial.

Quem tem conta na CAIXA também pode consultar saldo e extrato, fazer pagamentos e transferências de até R$ 600 por transação e até R$ 1.200 por dia.

De acordo com Guimarães, o Caixa Tem é o banco digital para os clientes do banco que possuem menor renda no banco, o que representam 90% da base de clientes Caixa.

Segundo o Presidente, os serviços oferecidos pelo aplicativo continuarão mesmo após a pandemia, e o banco pretende ainda adicionar novos recursos, como cartões, seguros e microcrédito. (Notícias e Concurso)