OMS lamenta corte de financiamento dos EUA à entidade

-
Foto : Reprodução/ Youtube

O diretor-geral da Organização Mundial de Saúde (OMS) declarou hoje (15) que lamenta a decisão dos Estados Unidos de cortar financiamento à entidade.

“Lamentamos a decisão do presidente dos Estados Unidos de ordenar uma suspensão no financiamento à OMS”, disse Tedros Adhanom Ghebreyesus. A declaração vem um dia depois da decisão americana de suspender a verba da entidade.

“A Covid-19 não discrimina entre nações ricas e pobres, nações grandes e pequenas. Não discrimina entre nacionalidades, etnias ou ideologias. Nem nós. Este é um momento para todos nós estarmos unidos em nossa luta comum contra uma ameaça em comum. Quando estamos divididos, o coronavírus explora as divisões entre nós”, disse Tedros. (Metro1)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui