Últimas Notícias sobre OMS

Foto: Agência Brasil

A Organização Mundial da Saúde (OMS) confirmou, neste sábado (23), o surgimento de 169 casos de casos de hepatite aguda grave de origem desconhecida. A maioria das notificações está na Europa e envolve bebês, crianças e adolescentes entre 1 mês e 16 anos de idade. Até o momento, uma morte foi confirmada.

OMS recomenda antiviral da Pfizer

Foto: Divulgação/Pfizer

A Organização Mundial da Saúde (OMS) recomendou o uso do antiviral Paxlovid, do laboratório americano Pfizer, para pacientes com covid-19 e que apresentem sintomas leves, mas com “maior risco de hospitalização”.

De acordo com diretor executivo do órgão, Mike Ryan, a mudança de status não é passo mais importante para se ter “um controle sustentado do vírus”

A Organização Mundial da Saúde (OMS) não considera que a pandemia de Covid-19 possa ser considerada uma “endemia”. O diretor executivo do órgão, Mike Ryan, considerou que a mudança de status não é o passo mais importante para se ter “um controle sustentado do vírus”. 

Foto: Divulgação/OMS

A Organização Mundial da Saúde anunciou, nesta sexta-feira (15), que monitora casos de hepatite aguda grave de origem desconhecida em crianças na Europa.

Foto: Twitter/OMS

O Comitê de Emergências, da Organização Mundial da Saúde (OMS), decidiu, nesta quarta-feira (13), que este não é o momento para rebaixar a classificação da Covid-19, ainda a considerando pandemia. A decisão vai na contramão da opinião do presidente Jair Bolsonaro (PL), que tem defendido rebaixar a Covid-19 para endemia.

Foto : Reprodução/Twitter WHO

A Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou na quarta-feira (30) um plano atualizado para a covid-19, estabelecendo importantes estratégias que, se implementadas em 2022, permitirão que o mundo saia da fase emergencial da pandemia.

Foto: Divulgação/Instituto Adolfo Lutz

O Brasil registrou na terça-feira (22) a menor média de casos novos de Covid-19 desde 9 de janeiro. FDoram 35.780 infecções diagnosticadas diariamente nos sete dias encerrados na terça. No período, a média móvel de mortes ficou em 302 óbitos/dia.

Foto: Divulgação/OMS

O diretor-geral da Organização Mundial da Saúde (OMS), Tedros Adhanom Ghebreyesus, se demonstrou otimista em relação ao atual cenário da pandemia de Covid-19 no mundo. Em coletiva de imprensa nesta quarta-feira (2/3), o líder da organização internacional chamou atenção para a redução do número de novos casos e de mortes provocadas pela infecção em todo o mundo.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) afirmou nesta quinta-feira (17) que os países que estão com números altos de casos de covid-19 podem encurtar a duração recomendada da quarentena de 14 dias em algumas situações.

Close