ONU cobra intensificação de buscas de indigenista e jornalista no Amazonas

Foto: Funai/reprodução Instagram

O Alto Comissariado das Nações Unidas para Direitos Humanos cobrou nesta sexta-feira (10) que o governo brasileiro redobre os esforços para encontrar o indigenista Bruno Araújo Pereira e o jornalista inglês Dom Philips.

A porta-voz Ravina Shamdasani manifestou preocupação com a falta de informação sobre o paradeiro e bem-estar dos dois, que desaparecerem no último domingo (5), quando transitavam pelo Vale do Javari rumo à cidade de Atalaia do Norte (AM).

“Nós clamamos às autoridades brasileiras que redobrem seus esforços para encontrar Phillips e Pereira o mais rápido possível tendo em vista os riscos reais aos seus direitos à vida e à segurança”.

“É crucial que as autoridades nos níveis federal e local reajam de forma robusta e rapidamente, o que inclui implantar totalmente os meios disponíveis e recursos especializados necessários para uma busca efetiva na área remota em questão”, disse. (Bahia.Ba)

Veja mais notícias no vozdabahia.com.br e siga o site no Google Notícias