Polícia Civil descobre túnel que ligaria casa a cofre do Banco do Brasil no MS

Foto: Divulgação/Polícia Civil do MS

A Polícia Civil do Mato Grosso do Sul realizou uma operação que descobriu um túnel de cerca de 60 metros de comprimento e dois metros de largura, que ligaria uma casa ao cofre da central do Banco do Brasil, no bairro Monte Castelo, em Campo Grande.

 A ação policial resultou na morte de duas pessoas e na prisão de outras seis – os suspeitos estavam na casa de onde partiria o túnel.

A central do banco é responsável por abastecer as demais agências bancárias no Mato Grosso do Sul. Em contato com o site UOL, o Banco do Brasil informou que colabora com as investigações da Polícia Civil.

Segundo o Grupo de Repressão a Roubos, Assaltos e Sequestros (Garras), responsável pela investigação, a quadrilha – cujos integrantes são de outro estado – estava sendo monitorada há seis meses.

Imagens divulgadas neste domingo (22) pela Polícia Civil mostram o interior do imóvel com sacos de terra resultantes da escavação e um buraco no piso da residência. Os policiais não souberam informar quantos metros ainda restavam para chegar ao cofre do banco e tampouco a estimativa de valor existente no cofre.

(Bahia.Ba)