Polícia Civil elucida homicídio e prende autor em Lamarão

0
182
-Foto: Divulgação | PC
Foto: Divulgação | PC

A morte de um vendedor de quebra queixo foi elucidada quase dois anos depois do crime em Lamarão. Uma operação que envolveu equipes do Serviço de Inteligência (SI) da 15ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin) de Serrinha, sob o comando dos delegados Getúlio Queiroz, coordenador em exercício, e Mozart Cavalcanti, titular da Delegacia Territorial (DT) de Serrinha, identificou e prendeu o autor por volta das 6h desta sexta-feira (12). O corpo de João de Jesus Alves, mas conhecido como “João do Quebra Queixo”, foi encontrado na zona rural daquele município no dia 15 de junho de 2017 com várias perfurações feitas à faca. Após investigações do SI, iniciadas ainda em 2017, os policiais chegaram até Felipe Brito, que confessou a autoria do homicídio. Ele foi encontrado escondido debaixo da cama da casa onde mora, no povoado Caatinga do Vieira, e preso em cumprimento a um mandado de prisão preventiva expedido pela Justiça de Santa Bárbara. “Eu peguei o punhal e dei um corte no pescoço dele[…] Depois eu fiz um X na cabeça dele e dei duas ou três furadas nas costas”, disse o homicida em depoimento. O motivo do crime, no entanto, não foi revelado ao Portal Cleriston Silva. De acordo com a Polícia Civil, Felipe também é suspeito de praticar assaltos nos povoados Guanabara, Licurituba e Três Estradas, todos na zona rural de Serrinha, e ameaçar moradores do povoado onde mora. O criminoso segue preso na carceragem da 15ª Coorpin à disposição da Justiça. (Cleriston Silva)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui