Vídeo: Ex-pastor Felipe Heiderich assume bissexualidade e namoro com youtuber Bruno

Felipe Heiderich e Bruno de Simone Reprodução/Instagram/Veja SP

O ex-pastor Felipe Heiderich, que assumiu a bissexualidade, contou que achou estranho beijar um homem. Ele concedeu uma entrevista junto com o namorado Bruno de Simone, do canal Na Real, conduzida pela jornalista Fábia Oliveira.

“Vou confessar que para mim foi tudo muito difícil no início, nos primeiros meses. É muito estranho beijar um homem, tocar… É tudo muito diferente e eu tive vários momentos doidos de altos e baixos para entender a situação”, afirmou Heiderich.

O casal, que assumiu a relação nos últimos dias, disse que se conheceu em 2019. O primeiro beijo, no entanto, só aconteceu em setembro de 2020. Logo depois, os dois começaram a namorar.

O ex-pastor disse que os primeiros meses de relação foram muito complicados. “O meio gospel não aceita. Diz que aceita. Que aceita não, tolera”, afirmou durante a entrevista.

Heiderich também falou sobre a reação da mãe ao contar sobre a nova relação. “Mãe, virei viado. Ela ficou muda quase meia hora. Depois disse: ‘sabe que é difícil, né? Cidade do interior… o povo aqui não vai reagir bem’. Mas agora está tudo bem”.

Bruno disse que já foi pedido em casamento por Heiderich. “Já aceitei e só faltam as alianças. Felipe Heiderich é o homem que eu amo. A gente se ama muito”, afirmou. “Nunca namorei pensando em terminar. Não estou com o Bruno para passar tempo e se eu namoro alguém é claro que eu planejo um futuro”, completou o ex-pastor.

Felipe Heiderich, que foi acusado pela ex-mulher, a pastora Bianca Toledo, de pedofilia e de namorar outros rapazes (relembre aqui). Felipe conseguiu provar sua inocência e foi absolvido pela Justiça sobre o caso de pedofilia.

ASSISTA A ENTREVISTA ABAIXO:

Redação: Veja São Paulo