Vídeo: Mãe e tia do adolescente morto no Cidade Nova 2 em SAJ, procuram Voz da Bahia e pedem justiça

Foto Montagem: Voz da Bahia

Na tarde de terça-feira (15), familiares do adolescente Jackson Cleiton, 16 anos, morto vitima de um tiroteio que aconteceu no dia (06), procuraram o Voz da Bahia e em entrevista pedem a prisão dos policiais envolvidos pela morte do jovem.

Ao Voz da Bahia, Soraia da Silva e Claudineia da Silva, tia e mãe do menino respectivamente, afirma que os policiais desejam levar o corpo do garoto para Feira de Santana pois, segundo elas, as autoridades não estão achando o projetil, “como assim não estão achando, se os médicos do Hospital Regional falaram que a bala estava localizada no maxilar?”, questionou.

Soraia também conta que esta confusa com as declarações da polícia sobre o ocorrido, ela afirma que as autoridades revelaram que os policiais envolvidos no caso estavam afastados, “e porque agora vem essa segunda versão de que estava acontecendo uma troca de tiros e que não sabem de aonde o projétil saiu? Queremos justiça, esses policiais tem pagar pelo sangue do nosso filho, eles atiraram nele pelas costas”, desabafou.

Ainda não houve um posicionamento oficial do Dr. Lino Oliveira, coordenador do DPT (Departamento de Polícia Técnica), sobre o motivo da necessidade de transferência do corpo de jovem Jackson para o município de Feira de Santana.

ASSISTA A MATÉRIA COMPLETA ABAIXO:

Reportagem: Voz da Bahia