Andressa Urach diz que quarentena é ‘golpe da esquerda’

-
Foto: Reprodução

Ex-fazenda, ex-miss Bumbum e evangélica, Andressa Urach fez duras críticas ao isolamento social como arma para combater a pandemia do coronavírus. 

“Essa quarenta (sic) pra mim no Brasil não passa de um golpe de esquerda, que se uniu com uma parte da imprensa, para quebrar ainda mais a economia do Brasil e depois colocar a culpa no presidente. Aonde estão as provas dos atestados de Óbitos por coronavírus comprovados? Não existem!!! Outra coisa, vírus? Sempre vai existir… vamos parar sempre? Aff… Daqui 60 dias ou mais, quando várias empresas estiverem quebradas, o desemprego triplicar e pessoas passando mais fome e mais presídios cheios… vocês vão me dar razão. A aqui no Brasil o tráfico mata mais pessoas que o coronavírus”, postou no Instagram.

Pouco tempo depois, Andressa Urach apagou publicação. Até o momento, o Brasil registrou 3904 casos de coronavírus e 114 mortes.

Reprodução/ Instagram

Holofote / BN

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui