Árbitros relatam atrasos em 2 jogos da Série D por falta de ambulância e policiamento

-
Foto: Lucas Figueiredo / CBF

Dois jogos da 13ª rodada da Série D não começaram no horário marcado neste sábado (21). De acordo com o árbitro da Bahia, Emerson Ricardo de Almeida, o duelo entre Portuguesa-RJ e Ferroviária foi iniciado com 15 minutos de atraso, devido a falta de policiamento. Já para Jaciobá-AL e ABC, a bola só foi rolar 44 minutos depois do previsto. O motivo, segundo o juiz Paulo José Mourão, do Maranhão, foi a falta de ambulância no local.

ABC e Ferroviária registraram o atraso das partidas nas suas redes sociais.

“As duas equipes e o trio de arbitragem já estão no gramado do Estádio Coaracy Fonseca. Árbitro aguarda a chegada da ambulância ao estádio para dar início ao jogo”, publicou o o clube potiguar no Twitter.

“Jogo está atrasado por falta de policiamento no estádio”, postou a agremiação paulista na mesma rede social.

As duas partidas deveriam ter começado às 15h. Portuguesa e Ferroviária ficara no 0 a 0 no Luso Brasileiro, no Rio de Janeiro, em duelo válido pelo Grupo A7. O time paulista é o líder da chave com 27 pontos, enquanto o carioca é o quarto colocado com 20. Já o ABC massacrou o dono da casa Jaciobá por 6 a 0, no Fumeirão. A equipe potiguar ocupa a primeira posição do A4 com 23 pontos e os alagoanos amargam a lanterna com quatro. (BN)