Salvador: Ocupação de 75% em rede privada preocupa tanto quanto colapso de leitos SUS, diz Neto

-
Foto: Paula Fróes / GOVBA

O prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), alertou para um colapso na rede particular de Salvador, cujo índice de ocupação chega a 75%. A informação foi divulgada na tarde desta sexta-feira (15), durante entrevista coletiva. Ele, no entanto, também não descarta também uma saturação na rede pública.

A ocupação no setor privado, de acordo com o gestor, se refere a leitos clínicos e UTIs. “Há risco de a rede particular colapsar antes da rede pública. Na rede municipal estamos recebendo pacientes de convênio não tão amplos, direcionados a hospitais que já saturaram. Não adianta discutir, na hora que uma rede satura, todas saturam”, advertiu.

No caso da rede pública, a estimativa inicial era de que houvesse um colapso até a próxima quarta-feira (20). “Tivemos uma queda e aquela previsão não aconteceu. Ganhamos uma semana. Mas, a partir daí há riscos, sim. Reforçando que quando uma rede colapsa, a outra também colapsa”, alertou.

De acordo com o gestor da capital, no setor público, cerca de 40% dos leitos clínicos da cidade estão ocupados. Este índice aumenta para 60% quando se trata dos leitos de UTI. (Bahia Notícias)