Últimas Notícias sobre Weintraub

Foto : Wilson Dias/Agência Brasil

A Justiça Federal de São Paulo determinou que a União pague R$ 50 mil de indenização à sociedade por uma fala do ex-ministro da Educação Abraham Weintraub a um jornal de que há plantações de maconha e laboratórios de produção de drogas nas universidades federais. A fala foi reproduzida depois, pelo ex-ministro, em uma comissão na Câmara dos Deputados.

Foto: Reprodução / Estadão

Abraham Weintraub, ministro da Educação demitido e investigado no inquérito do Supremo Tribunal Federal (STF) que apura fake news, deixou o Brasil nesta sexta-feira (19) e já está em Miami.

Foto : Divulgação

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, foi multado em R$ 2 mil por frequentar um protesto sem máscara. De acordo com a CNN, a multa foi expedida pela secretaria DF Legal, órgão de fiscalização do governo de Brasília.

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) Roque Sá/Agência Senado/Divulgação

O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia, afirmou nesta quinta-feira (11) que a medida provisória que deu ao ministro da Educação, Abraham Weintraub, o poder de escolher reitores temporários para universidades federais é inconstitucional.

Foto: Marcos Corrêa/PR

Em Medida Provisória (MP), o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) estabeleceu que o ministro da Educação, Abraham Weintraub terá autonomia para nomear reitores para as instituições federais de ensino. Sobretudo durante o período de emergência decorrente da pandemia da Covid-19.

Foto : Valter Campanato/Agência Brasil

Em reunião entre ministros e o presidente Jair Bolsonaro no Palácio do Planalto, no último dia 22, o titular da pasta da Educação, Abraham Weintraub, teria xingado os ministros do Supremo Tribunal Federal (STF). O governo, no entanto, resiste em entregar à Corte a filmagem do encontro. As informações são do UOL.

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, durante audiência pública na Comissão de Educação, Cultura e Esporte do Senado.

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, atacou o médico Drauzio Varella, após polêmica envolvendo a transexual Suzy durante reportagem do programa Fantástico da semana passada. Suzy é protagonista de um boato que diz que a mulher trans foi condenada por estuprar e matar uma criança de nove anos, algo ainda não comprovado.

"Paulo Freire e kit gay não têm vez no MEC", diz Weintraub Wilson Dias/Agência Brasil

O ministro da Educação, Abraham Weintraub, disse nesta quinta-feira (5) que “Paulo Freire e kit gay não têm vez” na gestão do presidente Jair Bolsonaro (sem partido).

Foto: Marcelo Brandão/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro negou que vá trocar de ministérios no início do ano que vem. A jornalistas, ele afirmou que não há nada que o leve a tirar alguém do primeiro escalão. “Não está previsto [mudança em ministérios]. Não tem nada que me leve a trocar um ministro que seja”, disse em Brasília, neste sábado (14) ao passear pela Praça dos Três Poderes, no centro da capital.

O ministro da Educação, Abraham Weintraub (Marcelo Camargo/Agência Brasil)

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, nesta quarta-feira, 20, que “por enquanto” não pretende retirar o ministro da Educação Abraham Weintraub do comando da Pasta. Weintraub vem sendo criticado por declarações e ataques promovidos nas redes sociais nos últimos dias. “Não, por enquanto, não [sobre troca no MEC]. Todos os ministros têm liberdade de expressão, só não pode criticar o governo”, disse Bolsonaro.

Close