Vice-presidente do Bahia critica arbitragem do futebol brasileiro: ‘Tecnicamente é ruim’

0
55
-
Foto: Felipe Oliveira / Divulgação/ Bahia

A atuação do árbitro Dewson Freitas na partida entre Corinthians e Bahia, no último sábado (21), em Itaquera, foi alvo de críticas de Vitor Ferraz, vice-presidente do Esquadrão de Aço. No primeiro tempo da partida, Élber foi derrubado por Ralf dentro da área e o juiz não marcou o pênalti, mas foi alertado pelo VAR. Ele reviu o lance e manteve a sua decisão. A partida terminou com o placar de 2 a 1 para o time paulista. O cartola considera que a arbitragem do futebol brasileiro é abaixo da média.

“Tem que manter a calma, porque lamentavelmente essas coisas acontecem no futebol brasileiro; o que fica é o descontentamento com arbitragem de maneira geral, é tecnicamente ruim. O VAR é um mecanismo fundamental, mas não vai corrigir dois problemas: incompetência e má fé, que acontece. Não digo que foi o caso agora, mas foram erros determinantes para a sequência do jogo e influenciaram diretamente no final da partida. Erros em inversão de faltas, aplicação de cartão… A gente lamenta pelo futebol brasileiro, ainda com auxílio do VAR, o que evidencia o grau de evolução que a gente precisa que a nossa arbitragem passe ainda”, disse em entrevista à Rádio Metrópole.

- Anúncio -

O próximo jogo do Bahia é contra o Botafogo, quarta (25), às 21h30, na Arena Fonte Nova, válido pela 21ª rodada da Série A do Brasileirão.

O Bahia tem 31 pontos e ocupa a oitava colocação no Campeonato Brasileiro. (BN)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui