Através do Voz da Bahia, vereador Uberdan questiona a prefeitura de SAJ quais são os planos para conter o avanço da Covid-19 no município

Vereador Uberdan Cardoso (PT) / Foto: Voz da Bahia

Após o aumento do número de casos da Covid-19 em Santo Antônio de Jesus, o vereador Uberdan Cardoso (PT) afirmou que protocolou um Ofício nº 007/2021 ao prefeito Genival Deolino (PSDB) no dia 17 de fevereiro e que segundo ele, não obteve resposta. Enviando um texto ao Voz da Bahia, o edil almeja saber do poder público municipal: “se haverá auxílio emergencial para categorias mais penalizadas, distribuição de kits higiene e nutricional para crianças e idosos, cestas básicas, álcool em gel, máscaras, etc? O plano de contingência para coibir o avanço do número de casos no município diante das novas cepas da doença? Quais as atuações que estão sendo desenvolvidas pelas secretarias de saúde e assistência social, já que ambas foram consideradas de serviços essenciais?”, perguntas.

VEJA ABAIXO O TEXTO COMPLETO DO VEREADOR UBERDAN CARDOSO ENVIADO AO VOZ DA BAHIA:

Prezados (as) Santantonienses,

Analisando os números da Pandemia do COVID 19 em nossa Cidade, chamo a atenção de todos (as) para alguns dados preocupantes:

  • Entre 02 de janeiro de 2021 e hoje (24 de fevereiro), saímos de 4.515 casos confirmados para 6.724 (em 53 dias tivemos um aumento de 2.209 casos)
  • Em quase 9 meses de Pandemia (meados de março de 2020 até 2 de janeiro de 2021), registramos 52 óbitos ( média de 5,6 óbitos por mês).
  • Nesses 53 dias de 2021 (2 de janeiro até 24 de fevereiro) já temos a perda de mais 14 pessoas, chegando a um total de 66 óbitos, ou seja, em 2021, a cada 4 dias um (a) santantoniense perde a Vida vítima desta doença.
  • Lembro que em 27 de junho, onde muitos alertavam ser o auge da Pandemia, tínhamos 98 casos ativos e 84 pacientes em atendimento domiciliar, hoje temos 167 ativos e 154 estão reclusos em suas residências.
  • Os dados comprovam que NUNCA estivemos em situação tão delicada e isso deve preocupar a todos nós, como Sociedade.
  • No último dia 17, protocolei Oficio n 007/2021 no Gabinete do Prefeito, solicitando informações sobre o Plano Municipal de Contingenciamento ao Covid (2021) e até hoje não obtive resposta.
  • Ressalto a importância da Gestão Municipal adotar medidas claras, objetivas e não se pautar apenas pelo Toque se Recolher Decretado pelo Governador.
  • É necessário sabermos quais as Políticas Públicas de Assistência Social e Atenção à Saúde estão sendo implantadas, que tipo de ações serão destinadas à população, se haverá auxílio emergencial para categorias mais penalizadas, distribuição de kits higiene e nutricional para crianças e idosos, cestas básicas, álcool em gel, máscaras, etc.
  • Aqui fica a minha preocupação e provocação para que a Gestão Municipal responda com AÇÕES antes que tenhamos mais Vítimas desse mal que nos aflige.

UBERDAN CARDOSO
VEREADOR

Reportagem: Voz da Bahia