Últimas Notícias sobre Uberdan Cardoso (PT)

Foto: Voz da Bahia

Na noite de segunda-feira (29), o vereador, Uberdan Cardoso (PT) fez uma grave denúncia na Tribuna da Câmara devido contratação da empresa do ex-secretário Bruno Barral, que fez parte da gestão do ex-prefeito de Salvador ACM Neto. Contrato este firmado pela secretária de educação de Santo Antônio de Jesus, Renilda Nery Barreto e o prefeito Genival Deolino (PSDB).

A Câmara de Vereadores de Santo Antônio de Jesus aprovou pela maioria, em sessão na noite desta segunda-feira (30), projeto de lei 975/2008, de 30/12/2008 que institui o Livre Comércio na capital do recôncavo baiano. De acordo com  a proposta apresentada pelos vereadores da situação, apoiadores do prefeito Genival Deolino (PSDB), o objetivo é estabelecer normas de proteção à livre iniciativa e ao livre exercício de atividades econômicas no município. O placar foi de 8 votos a favor e 5 contrários.

Vereadores que votaram a favor do Livre Comércio:

Vereador Uberdan Cardoso (PT) / Foto: Voz da Bahia

O vereador Uberdan Cardoso (PT) esteve presente na Live do Voz da Bahia, programa Meio-Dia e Meia e se posicionou diante da fala do médico e vereador Gilvandro Couto, popular Dr. Gil (PSDB) que disse que o petista foi na ‘rabadinha‘, ou seja, o último do último e moralmente não tinha direito de está ali (relembre aqui). Cardoso rebate: “tenho medo que isso seja mais um remédio sem comprovação científica que está prescrevendo para alguém”.

“A MORTE ZERO JÁ COMEÇOU MORTA”

Vereador Dr. Gilvandro Couto (PSDB) / Foto: Voz da Bahia

O vereador e médico Dr. Gilvandro Couto, popular Dr. Gil (PSDB) em entrevista ao Voz da Bahia rebateu à denúncia do vereador de oposição a gestão de Genival Deolino (PSDB). Uberdan Cardoso (PT) apontou a contratação de escritório de advocacia com o dinheiro público por parte do prefeito para se defender de abuso do poder econômico e compra de votos. “A credibilidade dele é zero”, contesta Dr. Gil.

Presidente da Câmara, vereador Chico de Dega (DEM) / Foto: Voz da Bahia

Após o vereador Uberdan Cardoso (PT) afirmar que o prefeito Genival Deolino (PSDB) está utilizando dinheiro público para contratar escritório de advocacia para se defender de uma ação na Justiça Eleitoral de abuso do poder econômico e compra de votos (reveja aqui); o presidente da Câmara Municipal, Francisco Damasceno, o Chico de Dega (DEM), declarou que a gestão passada também contratou um escritório de advocacia.

Genival e Careca: Foto Voz da Bahia

O Voz da Bahia entrevistou em sua Live o prefeito Genival Deolino (PSDB) e o vice-prefeito Luís Cláudio, conhecido Careca (PL) de Santo Antônio de Jesus, que responderam a denúncia do vereador Uberdan Cardoso (PT) que apontou ao afirmar que o gestor está se utilizando do dinheiro público para contratar escritório de advocacia para se defender do caso de uso do poder econômico e compra de votos nas eleições passadas para prefeito (reveja aqui).

Vereador Uberdan Cardoso (PT) / Foto: Voz da Bahia

Após a reunião com os representantes do Atakadão Atakarejo na Câmara de Vereadores de Santo Antônio de Jesus nesta sexta-feira (23); o vereador Uberdan Cardoso (PT) ao Voz da Bahia esclareceu seu posicionamento sobre o assunto e criticou a gestão municipal, afirmando que a mesma está agindo com má vontade em trazer o empreendimento para a cidade, “penso que a situação se tornou meramente uma disputa de narrativa no campo da política, porque não vejo sinceramente desejo da gestão em potencializar a vinda do Atakarejo aqui”, contou.

Close