Nilo quer ser candidato ao governo, mas diz que PT não abre mão da cabeça de chapa

-
Foto: Josemar Pereira/ Ag. Haack/ bahia.ba

O líder da bancada baiana no Congresso Nacional, deputado federal Marcelo Nilo (PSB), reafirmou nesta quinta-feira (28) em uma live promovida pelo portal bahia.ba no Instagram, que pretende ser candidato a governador nas eleições de 2022.

Questionado se o pleito de 2022 não seria o momento do PT abrir mão da cabeça de chapa para um partido da base aliada do governador Rui Costa (PT), o parlamentar disse que o “PT só apoia o PT”.

Nilo ressaltou ainda que o senador Jaques Wagner deve ser o candidato dos petistas na eleição estadual.

“O PT não abre para ninguém, você cria as condições. O PT gosta de apoiar o PT. Eles abrem mão da vice, da Assembleia, de várias secretarias, mas não abrem mão da cabeça de chapa. Eu quero ser governador, acho que Leão quer ser governador, acho que Otto quer ser governador. Eu também sei que só serei candidato se eu chegar em 2022 bombando nas pesquisas. Aí eles vão pensar. Eu sou aliado de 30 anos, sou fiel”, argumentou.

O ex-presidente da Assembleia Legislativa afirmou que tem articulado sua candidatura ao Palácio de Ondina com  aliados. Para Nilo, quando antes colocar seu nome como pré–candidato, “melhor”.

“Não escondo de ninguém que quero ser candidato a governador em 2022 e estou trabalhando para reunir condições e me viabilizar. Meus assessores dizem que agora não é a hora de falar, eu acho que é o contrário. Quem quer ser candidato tem que falar. Eu estou reunindo condições, viajo, articulo, telefono, vejo o povo. Quero ser candidato em 2022”, acrescentou. (Bahia.Ba)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui