Últimas Notícias sobre manchas de óleo

Um ano após vazamento de óleo, biodiversidade marinha na Bahia ainda tem danos — Foto: Reprodução/ TV Globo

Biólogos mapearam os danos provocados pelo vazamento de óleo que atingiu o litoral brasileiro no ano passado. Na Bahia, as manchas chegaram em outubro de 2019 e a biodiversidade marinha sofre até hoje.

O óleo que atingiu o litoral do Nordeste em 2019 voltou a surgir nas praias região de Morro de São Paulo, no município de Cairu. Moradores usaram as redes sociais para informar o reaparecimentos de diversas manchas de óleo nas praias da região neste sábado, 12.

Foto: Reprodução / TV Bahia

Novas manchas de óleo foram encontradas em praias de Salvador nesta semana. Após identificarem a substância em Piatã e Jaguaribe, na quinta (25), moradores reconheceram o material nas praias da Pituba e do Rio Vermelho, nesta sexta-feira (26).

Foto : Reprodução /Bnews

Algumas manchas de óleo voltaram a aparecer nas praias de Stella Maris e Jaguaribe, em Salvador. O presidente da Limpurb, Leonardo Oliveira, disse hoje (25) ao que a prefeitura está vistoriando todas as praias da capital baiana, mas que o resíduo encontrado é pontual.

Foto : Marinha do Brasil

Cinco meses após o aparecimento das primeiras manchas de óleo que atingiram nove estados do Nordeste e dois do Sudeste, questões sobre a origem da substância e o que provocou o desastre ambiental permanecem sem resposta.

Foto: Inema/Divulgação

A segunda parcela de R$ 998, referente ao auxilio emergencial que está sendo concedido a cerca de 70 mil pescadores, começou a ser pago na última terça-feira (21), pelo Governo Federal.

Foto : Elói Corrêa/GOVBA

A Bahia Pesca concluiu uma nova rodada de análise dos pescados coletados nos municípios baianas atingidos pela mancha de óleo que atinge o Nordeste.

Foto : Saul Gabriel Salomão

O Comando Unificado de Incidentes, criado para o desenvolvimento de ações coordenadas em resposta ao avanço das manchas de óleo no litoral baiano, teve o caráter de emergência encerrado ontem (19), de acordo com comunicado da Secretaria de Meio Ambiente do Estado (Sema).

Foto : Divulgação/Defesa Civil de Quissamã

Os pequenos fragmentos de óleo que foram encontrados e recolhidos na tima quinta-feira (28) da Praia do Peró, em Cabo Frio (RJ), não são compatíveis com a substância identificada no litoral do Nordeste e Espírito Santo.

Mais de 800 locais já foram atingidos pelas manchas de petróleo no litoral nordestino. Foto: Reprodução/TV Globo

Três meses depois das primeiras manchas de óleo no litoral do Nordeste, com número de locais afetados em constante aumento, ainda não se sabe a origem do vazamento do petróleo.

Close