Últimas Notícias sobre manchas de óleo

Imagem: Divulgação/ Simões Filho Online

As praias do Litoral Norte e de Salvador não possuem substâncias derivadas do óleo, conforme informou o Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), nesta sexta-feira (8). As manchas de óleo chegaram na Bahia no mês de outubro.

Foto : Marinha do Brasil

O óleo que já atingiu mais de 400 locais em todos os estados do Nordeste chegou ao Espírito Santo, no Sudeste do país, na quinta-feira (7). A informação foi divulgada pela Marinha em comunicado nesta sexta (8). Segundo a nota, foram encontrados e recolhidos pequenos fragmentos de óleo na praia de Guriri, no Município de São Mateus, no Espírito Santo.

Divulgação: Manu Dias/ GOV BA

Após redução de manchas de óleo, Parque Nacional de Abrolhos antecipa reabertura e volta a funcionar nesta sexta-fera (8), quase uma semana antes da data prevista (14).

Foto: Divulgação

As manchas de óleo, que chegaram à Bahia há pouco mais de um mês, já atingiram, até o momento, 31 municípios. Na tentativa de minimizar os impactos ambientais e sociais, a ONG Oceana e a Shell Brasil doaram, respectivamente, 150 tonéis e 3 mil kits de equipamentos de proteção individual (EPIs) para a Superintendência de Proteção e Defesa Civil da Bahia (Sudec).

Foto: Divulgação

Vestígios de óleo foram encontrados nesta terça-feira (5) em Mucuri, extremo sul baiano e último trecho da costa do estado. Segundo a Folha, a praia atingida está a cerca de 40 quilômetros da divisa da Bahia com o Espírito Santo.

O limite máximo de uma multa no Brasil é R$ 50 milhões, segundo Eduardo Bim. Imagem: Reprodução/G1 Bahia

Os danos provocados pelo petróleo que contamina o Nordeste estarão “na casa dos bilhões” de reais, com uma quantificação dos prejuízos a cargo do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), na esfera cível, e da Polícia Federal (PF), na esfera criminal.

Foto : Leitor Metro1

Pescadores artesanais ocupam, na manhã de hoje (4), a prefeitura de Taperoá, no baixo sul baiano. Eles cobram soluções da administração municipal quanto aos prejuízos causados pelas manchas de óleo que atingem o litoral.

Foto: Reprodução / Prado Notícia

Moradores de Prado, no extremo sul baiano, fizeram um mutirão para remover manchas de óleo de praias do município. O trabalho ocorreu na tarde deste domingo (3). Os voluntários prometem retornar aos locais nesta segunda-feira (4).

Foto : Reprodução / TV Record

O presidente Jair Bolsonaro afirmou, na noite de ontem (3), que “o pior está por vir” em relação aos vazamentos de óleo no litoral do Nordeste. Em entrevista à TV Record, o presidente voltou a afirmar que acredita em um vazamento criminoso, “com todos os indícios” apontando responsabilidade de um navio da empresa grega Delta Tankers.

Foto: Divulgação

A prefeitura de Valença, através da Secretaria Municipal de Meio Ambiente, promove a limpeza e retirada dos fragmentos que apareceram na praia de Taquari. De acordo com a prefeitura, uma força-tarefa intensificou as ações para conter os efeitos do óleo.

Close