União defendeu tributos sobre combustíveis em dezembro, aponta coluna

-
Foto: reprodução

Embora o presidente Jair Bolsonaro (sem partido) culpe os estados pela alta no preço dos combustíveis, a Advocacia-Geral da União (AGU) defendeu o aumento dos tributos federais no preço do produto em dezembro.

Na ocasião, o órgão defendia um decreto do ex-presidente Michel Temer (MDB) na Justiça. Segundo informações do blog Painel, de Folha de S. Paulo, a AGU argumentou que o cenário do país é de “notório desequilíbrio nas contas da Previdência e assistência social”. Além disso, eles disseram que a medida incrementa “investimentos obrigatórios destinados à seguridade social”. (Bahia Notícias)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui