Prioridade do governo Bolsonaro, Bolsa Atleta tem edital adiado

-
Foto : Arquivo/ Agência Brasil

Uma das metas para os 100 primeiros dias do mandato do presidente Jair Bolsonaro (PSL), a modernização do   programa Bolsa Atleta ainda não foi concretizada, de acordo com o blog Olhar Olímpico, do UOL, publicada hoje (11). No 100º dia da gestão Bolsonaro, o governo chegou a anunciar que o ponto foi cumprido com a publicação de uma lista de 3.142 novos contemplados, além de mais R$ 70 milhões para o orçamento do programa, que era de somente R$ 70 milhões.

No entanto, apenas um terço deste valor foi encaminhado à Secretaria Especial do Esporte. O Bolsa Atleta ainda não foi “modernizado” e, até agora, não há sinal de edital para a edição do programa deste ano.

Para o próximo ano e os três seguintes a proposta enviada por Bolsonaro ao Congresso é de R$ 70 milhões ao ano, mesmo valor proposto pelo governo Temer para 2019, ainda que o governo Bolsonaro tenha tratado o programa como prioridade. 

(Metro1)