Últimas Notícias sobre anúncios

O Laboratório de Estudos de Internet e Mídias Sociais da Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) descobriu 1.048 anúncios fraudulentos com menção ao programa Desenrola Brasil, que circularam entre 19 e 21 de julho nas redes sociais.

Após o início do Desenrola Brasil, criminosos já estão promovendo golpes, por meio de links nas redes sociais, para conseguir roubar os dados ou o dinheiro das pessoas.

Um novo projeto de lei (PL 1149/22) que tramita na Câmara dos Deputados prevê a obrigatoriedade dos anúncios de vagas de emprego informarem qual o valor salarial previsto para a vaga.

Foto: Marcello Casal Jr/Agência Brasil

Anúncios eleitorais e políticos no Facebook passaram a estar sob mais escrutínio público no Brasil em 2018, quando a empresa lançou uma biblioteca online reunindo as propagandas com informações sobre valor investido e alcance, além dos rótulos “pago por” e “propaganda eleitoral”.

Foto: Leitor Voz da Bahia

Moradores da cidade Santo Antônio de Jesus denunciaram ao Voz da Bahia nesta quarta-feira (18), um golpe envolvendo publicações de produtos com preços falsos, publicados por perfis clonados de Instagram.

Foto: Lula Marques/Fotos Públicas

Um relatório produzido pela CPMI das Fake News aponta que a Secretaria de Comunicação do governo Bolsonaro pagou para vincular 2,065 milhões de anúncios em sites, aplicativos de celular e canais do YouTube que produzem ou veiculam conteúdos considerados inadequados. Entre eles estão sites que divulgam notícias falsas, oferecem investimentos ilegais e até aplicativos com conteúdo pornográfico.

Foto: Divulgação

O YouTube anunciou mudanças na maneira como divulga publicidade em sua plataforma principal nesta quarta-feira (4). As mudanças serão implementadas para limitar a coleta e o uso de dados relacionados a conteúdo infantil.

Close