Últimas Notícias sobre PIX

Praça de pedágio da BR-324 — Foto: Reginaldo Pereira/Agência A Tarde/AE

O deputado Jurandy Oliveira (PSB), apresentou projeto de lei na Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) que libera o pagamento via PIX nas praças de pedágio da Bahia.

Pix é o pagamento instantâneo brasileiro. O meio de pagamento criado pelo Banco Central (BC) em que os recursos são transferidos entre contas em poucos segundos, a qualquer hora ou dia. É prático, rápido e seguro.

O Pix se tornou uma das mais importantes ferramentas de pagamento instantâneo no Brasil, fazendo com que os roubos e furtos de celular se tornassem mais perigosos para quem usa a ferramenta por conta da facilidade de realizar transferências bancárias.

Foto: Reprodução / Agência Brasil

O ex-procurador Deltan Dallagnol (Podemos) afirmou que vem recebendo dinheiro via Pix de desconhecidos, em sinal de solidariedade pela condenação imposta pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) na terça-feira (22).

A maioria dos cidadãos que esperava encontrar grandes valores esquecidos em bancos ficaram decepcionados. Valores a receber de até R$ 1 representaram 42,8% das liberações para pessoas físicas, divulgou hoje (14) o Banco Central (BC). Os montantes de até R$ 10 concentram 69,7% do total.

Foto: José Cruz / Agência Brasil

A partir desta segunda-feira (14), as pessoas nascidas entre 1968 e 1983 ou empresas abertas nesse período poderão pedir o saque de recursos esquecidos em instituições financeiras. O processo deve ser feito no site Valores a Receber, criado pelo Banco Central (BC) para consulta e agendamento da retirada de saldos residuais.

Mulher é presa suspeita de comprar botijões de gás por 'golpe do falso PIX' em cidade da Bahia — Foto: Divulgação/Polícia Civil

Uma mulher de 22 anos foi presa suspeita de comprar botijões de gás por meio do golpe do falso PIX, na cidade de Alagoinhas, a 120 quilômetros de Salvador.

Imagem: Reprodução

Uma mulher de 22 anos foi presa na quinta-feira (10), em Alagoinhas, pelo crime de roubo qualificado. O mandado de prisão preventiva foi cumprido no bairro Centro, por policiais da Delegacia de Repr

Foto: Divulgação

A Globo conseguiu na Justiça bloquear a compra de um imóvel realizada com o dinheiro de um pix que foi transferido errado no valor de R$ 318 mil em dezembro do ano passado (relembre aqui). O homem recebeu o dinheiro em sua conta e usou para comprar uma casa em janeiro deste ano. 

BC admite que novos vazamentos de Pix ocorram

Pix é o pagamento instantâneo brasileiro. O meio de pagamento criado pelo Banco Central (BC) em que os recursos são transferidos entre contas em poucos segundos, a qualquer hora ou dia. É prático, rápido e seguro.

Com três casos de vazamento de dados de chaves Pix já registrados, apesar de não terem sido expostos dados sensíveis dos usuários, o presidente do Banco Central (BC), Roberto Campos Neto, admitiu que novos incidentes como esses devem acontecer com alguma frequência. Ainda assim, ele reforçou que o BC vai atacar todo e qualquer vazamento, de forma a diminuir a taxa para o mínimo possível.

Foto: Rede Globo/ Divulgação

A Globo entrou na Justiça para recuperar R$ 318 mil depositados por engano na conta de um homem. O motivo da briga? Após notar o valor que foi parar em sua conta, o cidadão decidiu comprar uma casa própria com o dinheiro. Quando a emissora notou o erro e entrou em contato para pedir a quantia de volta, ele afirmou que não tinha como devolver.

Close