Últimas Notícias sobre TST

Foto: Letícia Gonçalves/Justiça do Trabalho na Bahia

O ministro do Tribunal Superior do Trabalho (TST) Walmir Oliveira da Costa, de 63 anos, morreu nesta quarta-feira (28) por complicações devido ao novo coronavírus. A morte do magistrado, que integrava o tribunal desde 2007, foi lamentada pela presidente do TST, a ministra Maria Cristina Peduzzi. Ela ainda decretou luto oficial de três dias.

Foto: Divulgação

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) decidiu determinar o fim da greve dos funcionários dos Correios e o retorno ao trabalho a partir de amanhã (22). O tribunal julgou nesta tarde o dissídio de greve dos trabalhadores da estatal, que estão parados desde 17 de agosto, diante das discussões do novo acordo coletivo.

Foto: Reprodução

Sem acordo entre funcionários e empresa, a greve nos Correios irá a julgamento, informou o Tribunal Superior do Trabalho (TST).

Ministro Gilmar Mendes, do STF/Foto: Nelson Jr./STF

O ministro Gilmar Mendes, do STF (Supremo Tribunal Federal), suspendeu todas as ações relacionadas à correção monetária de dívidas trabalhistas.

Foto: Divulgação

Por unanimidade, a Quinta Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST) decidiu hoje (5) negar o vínculo empregatício de um motorista com o aplicativo de transporte Uber. Trata-se da primeira decisão da última instância trabalhista sobre o tema.A medida tem efeito imediato somente para o caso de um motorista específico, mas abre o primeiro precedente do tipo no TST, de onde se espera uma unificação do entendimento sobre o assunto na Justiça do Trabalho.

Foto: Rayllanna Lima/bahia.ba

Por unanimidade, a Quinta Turma do Tribunal Superior do Trabalho (TST) decidiu nesta quarta-feira (5) negar o vínculo empregatício de um motorista com o aplicativo de transporte Uber. Trata-se da primeira decisão da última instância trabalhista sobre o tema.

As mobilizações vão envolver os trabalhadores em ações voluntárias como, por exemplo, a doação de sangue e limpeza de praias. Foto: Esmael Morais

A Federação Única dos Petroleiros (FUP) disse que irá manter as mobilizações solidárias nacionais previstas para acontecer entre os dias 25 e 29 de novembro. De acordo com a FUP, elas serão realizadas parcialmente, e não trará prejuízo no abastecimento dos combustíveis.

Empregados da Petrobrás ligados à Federação Única dos Petroleiros (FUP) marcaram greve para 25 de novembro de 2019 Foto: FUP/ Reprodução / Estadão Conteúdo

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) acatou liminar da Petrobrás impedindo que os petroleiros entrem em greve na segunda-feira (25).

Agência Brasil

O presidente do Supremo Tribunal Federal, Dias Toffoli, deu uma guinada na disputa entre os funcionários dos Correios e a estatal, que, após uma série de negociações frustradas e greve, havia sido, de certa forma, pacificada por decisão colegiada do Tribunal Superior do Trabalho (TST), em outubro.

Centro de Tratamento de Encomendas dos Correios em Benfica, zona norte da cidade, durante a greve decretada após assembléia geral dos trabalhadores (Fernando Frazão/Agência Brasil)

O Tribunal Superior do Trabalho (TST) decidiu hoje (2) que os Correios devem conceder reajuste de 3% nos salários e nos benefícios dos funcionários da estatal. A questão foi decidida durante o julgamento do dissídio coletivo da greve realizada no mês passado.

Close