Últimas Notícias sobre impeachment

Foto: Governo do Chile

O Senado do Chile barrou na noite desta terça-feira (16) o início do processo de impeachment contra o presidente Sebastián Piñera. Eram necessários 29 votos entre os 43 senadores para que a ação fosse aceita. Até a publicação desta matéria, se declararam a favor da abertura 17 parlamentares e contra, 14, com 1 abstenção. Como faltam 11 manifestações, o processo não é mais matematicamente possível.

Mais de trinta cidades baianas realizam atos pedindo por impeachment do presidente Jair Bolsonaro, neste sábado (02). As manifestações foram organizadas por uma frente ampla de partidos – como o PT, PCdoB, PSB, PSOL, PDT, REDE, PV, PCO e PCB – em conjunto com centrais sindicais e movimentos populares para protestar também contra a condução do presidente na pandemia, pela vacinação, contra os atos antidemocráticos, pelo retorno do auxílio emergencial de R$600 e contra a volta da fome e o desemprego.

Foto: Reprodução YouTube Foco do Brasil

Se ocorrer, isso constitui crime de responsabilidade, passível de processo de impeachment. Os brasileiros concordam majoritariamente com isso: para 76% deles, a abertura deve ocorrer se Bolsonaro fizer o prometido.

Foto: Divulgação

Parte da oposição vai às ruas neste domingo (12) para protestar contra o presidente Jair Bolsonaro. Atos com o mote “Fora Bolsonaro” estão marcados para acontecer em 19 capitais do país ao longo do dia.

Foto: reprodução/YouTube

O próximo dia 7 de setembro marcará 199 anos da declaração de Independência do Brasil, mas também será o dia de uma mobilização nacional de “apoio à Constituição” e contra a “raça de víboras”, comentou o pastor Marco Feliciano (Republicanos-SP).

ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes / Foto: Redes Sociais

Em nota divulgada nesta sábado, 21, o Superior Tribunal de Justiça (STJ) afirmou que vê com “preocupação” o pedido de impeachment contra o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Alexandre de Moraes, enviado pelo governo de Jair Bolsonaro ao Senado na última sexta, 20.

Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom / Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro entrou com pedido de impeachment contra o ministro Alexandre de Moraes, do Supremo Tribunal Federal (STF). O texto foi protocolado no Senado Federal, na noite desta sexta-feira (20). O presidente passou o dia fora de Brasília, em viagem ao Vale do Ribeira, interior de São Paulo.

Foto: Antonio Cruz/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) não vai entregar o pedido de impeachment dos ministros Luís Roberto Barroso e de Alexandre de Moraes, do STF, pessoalmente ao presidente do Congresso, Rodrigo Pacheco.

Foto: Reprodução

Presidente nacional do PT, a senadora Gleisi Hoffmann afirmou que o Lula ainda não está confirmado como candidato do PT à presidência da República. Segundo a senadora, as reuniões e articulações com partidos ainda não tiveram início.

Foto: Pablo Valadares/Câmara dos Deputados

O vice-presidente da Câmara, deputado Marcelo Ramos (PL-AM), disse que as ameaças de Jair Bolsonaro sobre a não realização das eleições de 2022 são um “claro crime de responsabilidade”.

Close