Após associar pessoas negras a mau cheiro, influenciadora pede perdão: ‘Amo os negros’

-
Foto: Reprodução / Instagram

A influenciadora digital Isadora Farias virou assunto nas redes sociais após associar mau cheiro das axilas a pessoas negras. Após ser acusada de racismo, apagou vídeo e resolveu pedir perdão a quem se sentiu ofendido.

“Antes de falar qualquer coisa eu quero pedir perdão, que é mais do que desculpas, para todas as pessoas que se sentiram ofendidas com aquilo que eu falei. Eu não sou essa pessoa racista, eu amo os negros, eu amo todas as pessoas e trato as pessoas com igualdade”, começou.

Na sequência, disse que convive com negros no dia a dia. “Eu tenho amigos negros, colegas de trabalho negros, convivo com pessoas negras e por isso quero deixar mais uma vez registrado as minhas sinceras desculpas por esse mal-entendido”, comentou.

Na polêmica em questão, ela disse que tinha odor forte nas axilas e que precisava comprar um desodorante melhor. Porém, acabou sendo rotulada como racista pela fala.

“Quem me segue há mais tempo sabe que eu tenho sério problema com cecê, eu tenho que passar desodorante bom. Inclusive às vezes eu compro de pele morena a negra porque o negócio aqui é punk”, falou Isadora Farias. Veja:

Nas redes sociais, o termo IsadoraFariasRacista ficou entre os temas mais comentados dos últimos dias. “Racista sempre se defende da mesma maneira, né? O pronunciamento da Isadora Farias foi basicamente: ‘Não sou racista, tenho até amigos negros'”, disse uma seguidora.

Ao portal NSC Total, a a dermatologista Cláudia Camargo explicou que existem características diferentes entre a pele negra e branca, mas que não há ligação alguma com odores desagradáveis, sendo assim um comportamento racista fazer esse tipo de associação. (BN)