Palmeiras atinge várias marcas históricas com goleada por 8 a 1

Rafael Navarro marcou 4 gols na vitória do Palmeiras sobre o Independiente Petrolero, pela Libertadores Imagem: Ettore Chiereguini/AGIF

O Palmeiras atingiu diversos recordes ao golear o Independiente Petrolero (BOL) por 8 a 1 na Copa Libertadores nesta terça-feira (12).

A começar pelo placar, maior goleada do Palmeiras na Libertadores. O Palmeiras tem um 7 a 0 de 1995 contra o Nacional do Equador, mas a goleada desta terça teve mais gols do Alviverde.

O Palmeiras também tornou-se o time brasileiro com mais vitórias na competição continental, juntamente com o Grêmio, que soma 72 triunfos.

O resultado é também a maior goleada do time profissional do Palmeiras no Allianz Parque, superando o 6 a 0 contra o Universitário do Peru, na edição de 2021 da Libertadores. Também foi o placar mais elástico da Era Abel Ferreira.

Ao fazer o quarto gol do Palmeiras, seu terceiro no jogo, Rafael Navarro fez o gol 400 do Alviverde na Libertadores. O Verdão é o primeiro time brasileiro a chegar à marca. Com os quatro que anotou nesta noite, Navarro se tornou o primeiro palmeirense a chegar a este número de gols em um jogo de Libertadores.

Navarro deu também assistência para Rony empatar com Alex e se tornar o maior goleador histórico do Palmeiras na competição, com 12 gols. Raphael Veiga, que fez dois, entrou no Top 50 de goleadores alviverdes e chegou a 11 gols na Libertadores, a um do recorde. Veiga, aliás, anotou nada menos que nove gols nas últimas dez partidas.