Últimas Notícias sobre FAB

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

O presidente Jair Bolsonaro (PL) participou da cerimônia de graduação de sargentos da Força Aérea Brasileira (FAB), nesta sexta-feira (1º).

Foto: GOV

A Força Aérea Brasileira (FAB) interceptou, na madrugada de domingo (20), no Mato Grosso do Sul, uma aeronave de modelo PA-34 Sêneca que transportava 465 quilos de drogas. 

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Após semanas de incertezas, privações e riscos, um grupo de 43 brasileiros repatriados, 19 ucranianos, cinco argentinos e um colombiano trazidos da Polônia em aeronaves da Força Aérea Brasileira (FAB) chegaram a Brasília em segurança.

Foto: Força Aérea Brasileira (FAB)

Um avião KC-390 Millennium, da Força Aérea Brasileira (FAB), decola nesta segunda-feira (7), às 15h, da Base Aérea de Brasília para cumprir a missão de resgate de brasileiros que deixaram a Ucrânia por causa da guerra. A aeronave está prevista para pousar em Varsóvia, na Polônia, na quarta-feira (9). As informações são da Agência Brasil.

Quase metade dos integrantes do Exército e da Aeronáutica ainda não está devidamente vacinada contra o novo coronavírus. O número de militares

Foto: Reprodução

A Polícia Civil de Minas Gerais irá atuar junto com o Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa) na perícia do acidente que causou a morte da cantora Marília Mendonça e mais cinco pessoas da sua equipe na tarde desta sexta-feira (5), em Caratinga, no interior de Minas.

Foto: Divulgação

A Força Aérea Brasileira (FAB) decidiu liberar o retorno de militares não vacinados contra a covid-19 ao trabalho presencial, porém, eles terão que assinar um termo de recusa de vacinação. As informações são da coluna de Bela Megale, no jornal O Globo.

Foto: Reprodução Redes Sociais

O segundo-sargento da Aeronáutica Manoel Silva Rodrigues, que foi detido em 2019 transportando 39 kg de cocaína na bagagem em um dos aviões da Força Aérea Brasileira (FAB), continua recebendo seus honorários, mesmo após ser condenado a seis anos de prisão pelo Superior Tribunal da Andaluzia, na Espanha, onde foi preso.

Foto : Reprodução

A Justiça Militar decidiu ontem (19) manter presos os três militares e uma mulher suspeitos de participar do esquema que transportou 39 kg de cocaína em um avião da Força Aérea Brasileira (FAB), do Brasil para a Espanha, em 2019. A prisão é preventiva, ou seja, por tempo indeterminado. O avião usado em apoio à Presidência da República saiu do Brasil e pousou na Espanha, em 2019.

Foto : Rosinei Coutinho / STF

O presidente da República Jair Bolsonaro (sem partido) nomeou hoje (8) oficialmente José Vincente Santini, amigo de Eduardo Bolsonaro que foi demitido em janeiro do ano passado por ter usado um avião da Força Aérea Brasileira (FAB) indevidamente, como Secretário da Secretaria-Geral da Presidência. A informação foi publicada no Diário Oficial.

Close