Tufão Jebi deixa mortos e mais de 100 feridos no Japão

(Foto: Ichiro Banno/Kyodo News via AP)

O tufão Jebi, considerado o mais poderoso a tocar a terra no Japãonos últimos 25 anos, chegou acompanhado de chuvas torrenciais e fortes ventos nesta terça-feira (4). Seis pessoas morreram e 160 ficaram feridas, de acordo com a emissora pública japonesa NHK. O fenômeno provocou um aumento no nível das marés, que, em algumas áreas, já é o mais alto desde um tufão de 1961. A água subiu tanto que invadiu as pistas do Aeroporto internacional Kansai, que fica em uma ilha artificial de Osaka, no oeste do país. Cerca de 3 mil passageiros ficaram bloqueados no aeroporto- um dos principais do país-, porque uma ponte que liga o aeroporto à cidade de Izumisano ficou danificada depois da colisão um navio petroleiro. Os ventos, que variam entre 160 km/h e 190 km/h, lançaram a embarcação, que está descarregada, contra estrutura. Onze tripulantes ficaram presos a bordo, mas ninguém se machucou. Apenas dois deles foram resgatados até o momento, pois a operação de retirada foi suspensa devido ao rompimento de um cano de gás. O motor da embarcação não pode ser ligado e as autoridades esperam que o tempo melhore para puxá-la.  

google news
  • TAGS