Vereador Délcio se opõe contrário ao pedido de cerca de R$ 40 milhões de empréstimo do prefeito Genival a Câmara: “isso é querer endividar o município”

Vereador Délcio Mascarenhas / Foto: Voz da Bahia

Durante a sessão da Câmara realizada nesta quarta-feira (16), o vereador Délcio Mascarenhas (PSB) afirmou durante seu expediente, que uma “mala preta” está entre os vereadores. Além disto, o edil explicou ser contra um empréstimos de quase R$ 40 milhões de reais a pedido do prefeito de Santo Antônio de Jesus, Genival Deolino (PSDB).

De acordo com Mascarenhas, a cidade já tem débitos com a Previdência Social que preocupa a população, e um empréstimo de cerca de R$ 40 milhões pode prejudicar o município, “a prefeitura tem um débito de R$ 10 milhões com a Previdência Social, além, de milhões empenhados em emendas. Sou contra financiamento, isso é querer endividar o município e isso é muito perigoso. Durante toda minha trajetória, nenhum prefeito pediu um centavo de empréstimo para fazer gestão em Santo Antônio de Jesus, com exceção de Rogério Andrade que tomou R$ 10 milhões e mesmo assim, não conseguiu se reeleger”, falou.

“MALA PRETA”:

Segundo o vereador, há comentários de que uma “mala preta” está circulando na Câmara referente a interesses neste empréstimo, “antes mesmo de ver esse projeto, já ouvi o burburinho de algumas pessoas na cidade, e me preocupou. Algumas pessoas nesta Casa com interesse nesse financiamento, e a informação que recebi é que a mala preta estava andando nos corredores do poder legislativo de Santo Antônio de Jesus. Espero que isso não aconteça”, falou.

Reportagem: Voz da Bahia