25% dos idosos brasileiros moram com três ou mais pessoas

-
Foto : Marcelo Camargo/Agência Brasil

Um levantamento feito pelo Observatório Social da Covid-19 da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com base em dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), mostra que 25% dos brasileiros acima dos 60 anos (7 milhões de 29 milhões) vivem com outros três ou mais moradores, o que aumenta o risco de contágio pelo coronavírus mesmo dentro de casa. Os demais moram com até duas pessoas (60%) ou sozinhos (15%). Os dados mais recentes, usados nesse levantamento, são de 2015.

As casas cheias são mais comuns entre idosos pretos e pardos, que ganham até um salário mínimo por mês e moram no Norte ou no Nordeste. Os idosos compõem um dos principais grupos de risco do coronavírus. A região Sudeste, que concentra o maior número de casos de Covid-19, também tem quase metade (47%) dos idosos do país. (Metro1) 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui