BBB21: Juliette supera nomes como Ivete Sangalo e Anitta na internet

Foto: Divulgação

Juliette Freire, participante do Big Brother Brasil, é também um fenômeno da internet. A Knewin, maior PRtech da América Latina, analisou 1.025.098 tuítes entre os dias 31 de março e 11 de abril, citando a maquiadora e advogada. A paraibana de 31 anos entrou no programa em 25 de janeiro, com 3 mil seguidores no Instagram, e até o momento da análise contabilizava 20,7 milhões – e a quantidade de admiradores só cresce.

Durante o período analisado pela ferramenta Knewin Social, o termo Juliette teve mais de 460 mil menções, sendo a participante do BBB mais citada no Twitter. A hashtag #teamjuliette chegou a 46.066 tuítes, e a conta da participante, @freirejuliette, somou 58.125 tuítes. Esse sucesso se reflete não apenas nas mídias sociais, mas também na imprensa. Em janeiro, no início da atração global, foram publicadas 698 matérias citando a maquiadora; em fevereiro, esse número subiu para 2.753 e atingiu 3.310 em março.

No dia 5 de abril, Juliette se tornou a participante do grupo pipoca com mais seguidores. De acordo com levantamento do HypeAuditor, realizado em março, a paraibana aparece no top 20 dos mil maiores influenciadores do Instagram no Brasil. Na lista, seu perfil supera nomes de algumas celebridades, como Ivete Sangalo e Anitta.

No decorrer do programa, as marcas patrocinadoras do BBB também aproveitaram o “boom” de popularidade de Juliette, alinhando seus produtos com a participante para alavancar hashtags e menções que impulsionam vendas. Até mesmo as discussões que aconteceram durante a atração também impactaram positivamente a imagem da maquiadora aqui fora. Após pequena briga com Fiuk sobre cuscuz, por exemplo, uma marca que fabrica o item entrou em contato com a equipe da sister oferecendo contrato de publicidade.

De acordo com o CMO da Knewin, Fabio Rios, as mídias sociais ocupam cada vez mais espaço na rotina de consumo e interação com conteúdo. Por isso, é imprescindível usar indicadores corretos e confiáveis para mensurar o impacto da exposição espontânea da marca em redes digitais na estratégia de comunicação, e ter a tecnologia como aliada. “Curtidas, menções e compartilhamentos são alguns dos indicadores que podem ser trabalhados. O grande desafio, no entanto, é coletar informações em grande quantidade e em tempo real para mostrar um cenário completo para medir resultados no mundo digital e alavancar uma marca, por exemplo”, completa. (Metrópoles)