Blaster Pirotécnico de S. A. de Jesus dá dicas de como usar fogos com segurança neste São João

0
161
-
O "blaster pirotécnico" de Santo Antônio de Jesus, Vagner Costa dos Santos, o popular "Cowboy" / Foto: Voz da Bahia

São João, amendoim cozido, milho assado, bandeirolas, fogueira e um cheirinho de pólvora no ar, nos fazem lembrar, de imediato, de fogos de artifícios como complemento dessa festa tão animada. Foguetes, girândolas, chuvinhas, bombinhas, vulcões nos deixam encantadas, mas alguns cuidados são indispensáveis, mas sabemos que com a chegada do período junino aumenta de forma significativa o número de casos de queimaduras entre crianças e adultos.

“Blaster pirotécnico” é um profissional qualificado da Associação Brasileira de Pirotecnia para manusear fogos de artifício, organizar quadro e procurar harmonizar os diferentes tipos de produtos para que a beleza do espetáculo seja garantida. Mas para ser um “blaster pirotécnico”, é necessário que o interessado frequente um curso específico e após todo o aprendizado, seja submetido a avaliações, obtendo assim a autorização para o exercício da atividade. 

O “blaster pirotécnico” de Santo Antônio de Jesus, Vagner Costa dos Santos, o popular “Cowboy”, procurou o Voz da Bahia e na ocasião, passou algumas informações valiosas para não “jogar água na fogueira” e manter o São João em segurança:

  • Informe-se se a barraca de venda de fogos possui alvará de funcionamento, isso assegura que o seu vendedor é licenciado;
  • Certifique-se que a barraca possui a licença do Corpo de Bombeiros;
  • Verifique o prazo de validade e a conservação das embalagens dos seus fogos de artificio, evitando uma possível adulteração;
  • Procure saber qual a classe permitida para cada faixa etária e se é adequado as normas. Normalmente as classes A e B é que são apropriadas para utilização do público;
  • Mantenha uma distância mínima de 50 metros de redes elétricas, materiais inflamáveis, postos de combustíveis, hospitais, clinicas, casa de repouso;
  • Lembre-se, fogos de artificio, quando utilizados por crianças deve ter sempre a supervisão de um adulto.

Reportagem: Voz da Bahia / Vagner Costa dos Santos – ‘Cowboy’

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui