Brasileiro avança com 3ª melhor nota à final do Mundial de Skate

No dia seguinte à classificação das mulheres, os homens garantiram vaga neste sábado (5) na final do Mundial de Skate Street, disputado em Roma, na Itália, com transmissão ao vivo do R7. Kelvin Hoefler, brasileiro mais bem rankeado, avançou à decisão com a terceira melhor nota (32.11).

O norte-americano Nyjah Huston (35.86) e o japonês Yuto Horigome (33.46) tiveram as duas melhores notas. Os também brasileiros Felipe Gustavo, Carlos Ribeiro, Ivan Monteiro, Giovanni Vianna e Gabryel Aguilar não conseguiram avançar entre os oito melhores da última competição do skate antes da Olimpíada.

O street foi uma das modalidades escolhidas para a estreia no programa olímpico. Nela, os obstáculos simulam o mobiliário urbano de grandes metrópoles e ganha quem tiver a maior nota entre os jurados — a outra modalidade, o park, acontece em uma pista especificamente construída para manobras radicais, com paredes que imitiam uma piscina, o bowl.

No top-5 do ranking mundial, Hoefler já estava pré-classificado aos Jogos Olímpicos. Ainda assim, não queria deixar nada para trás na última competição antes do embarque para a capital japonesa. O skatista brasileiro segue em boa fase, como um dos favoritos à medalha em Tóquio 2020. (Fonte: R7)