Com previsão de tempo instável, Salvamar orienta que praias de Salvador sejam evitadas

Foto: Jefferson Peixoto/Secom PMS

Após uma madrugada de fortes chuvas e ventos provocados por uma frente fria em Salvador nesta quarta-feira (3), a Coordenação de Salvamento Marítimo (Salvamar) orientou que as praias da capital sejam evitadas nos próximos dias. A situação de alerta deve durar até o próximo domingo (7).

“Em razão da frente fria que chegou a Salvador nesta quarta-feira (3), a orientação é de que os cidadãos evitem as praias nesse período, devido ao mar agitado e correntezas”, diz a nota do Salvamar. Nesta quarta, rajadas de vento chegaram a 47,5 km/h e cerca de 30 mm de água foram acumulados em diversos bairros da cidade.

O diretor geral da Codesal, Sosthenes Macêdo, informou, em entrevista ao programa Metropole Serviço, da Rádio Metropole, que, após o temporal, alguns bairros da cidade, como o Sete de Abril, estão em estado de alerta e observação devido ao risco de novas ocorrências.

Durante o feriadão prolongado, entre o último sábado (30) e esta terça-feira (2), a Salvamar registrou 58 ocorrências, principalmente nas praias de Itapuã, Piatã, Praia do Flamengo e Jaguaribe. No sábado, foram 11 afogamentos, um deles envolvendo um cidadão alcoolizado na Boca do Rio, que precisou de atendimento do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu). Já no domingo, foi o dia de maior número de ocorrências, informou a Coordenação: 21 casos. No dia, também foram registradas quatro situações de crianças perdidas. (Metro1)