Dono da Saritur presta depoimento na Polícia Federal sobre suposta vacinação clandestina em BH

Rômulo Lessa, de camisa escura, chega acompanhado do irmão, Robson Lessa — Foto: Reprodução/TV Globo

Rômulo Lessa, um dos donos da empresa de transporte Saritur, presta depoimento na tarde desta segunda-feira (29) na sede da Polícia Federal (PF), em Belo Horizonte. Segundo reportagem publicada pela revista Piauí na última quarta-feira (24), ele teria promovido uma vacinação clandestina de empresários e políticos dentro de uma das garagens da companhia.

O irmão de Rômulo, Robson, também dono da Saritur, também compareceu à sede da Polícia Federal.

Uma postagem em uma rede social faz parte da investigação. A filha de um funcionário da Saritur publicou: “Acordei com a notícia de que eu vou ser imunizada”.

Policiais federais foram à garagem onde teria ocorrido a vacinação em BH — Foto: Reprodução/TV Globo
Policiais federais foram à garagem onde teria ocorrido a vacinação em BH — Foto: Reprodução/TV Globo

A mensagem e a conta foram apagadas na sexta-feira (26), mas a TV Globo conseguiu o contato do pai dela. Ao ser perguntado se houve vacinação e se ele mesmo foi imunizado, o homem desligou o telefone. (G1)