Em tarde de Gilberto, Bahia supera o Ceará de virada na Arena Castelão

Foto: Rafael Machaddo / EC Bahia

O Bahia voltou a sorrir no Brasileirão. Em plena Arena Castelão, onde conquistou o tetra da Copa do Nordeste há um mês, o Esquadrão de Aço superou o Ceará de virada por 2 a 1 na tarde desta quinta-feira (17), pela quarta rodada da competição. Saulo abriu o placar, mas Gilberto marcou dois e decretou a vitória tricolor.

Com o resultado, o Bahia avança aos sete pontos e ocupa momentâneamente o sexto lugar. A equipe de Dado Cavalcanti volta a jogar no próximo domingo (20), contra o Corinthians, em Pituaçu.

O JOGO

O Bahia começou jogo quase abrindo o marcador. Aos três minutos, Luiz Otávio aproveitou escanteio para cabecear firme e obrigar Vinícius Machado a fazer uma defesa espetacular.

Não demorou o Ceará deu uma resposta perigosa. Dentro da área, Mendoza fez uma grande jogada individual e mandou uma bomba de esquerda para grande defesa de Matheus Teixeira.

Ceará abre o placar com Saulo

O Ceará saiu na frente aos 16. Em jogada rápida, Saulo recebeu passe em profundidade e aproveitou a escorregada de Luiz Otávio para avançar e bater rasteiro e balançar a rede.

De pênalti, Gilberto empata

Aos 28 minutos, Luiz Otávio foi derrubado por Gabriel Dias na área após cobrança de falta. Depois de análise ao vídeo, o árbitro Marcelo de Lima Henrique acusou a penalidade. Na bola, Gilberto bateu e deslocou o goleiro do Vozão para abrir o marcador.

Gilberto faz mais um

A comemoração do empate se transformou rapidamente na euforia da virada. Aos 34, Thaciano ficou com a bola na grande área e serviu Matheus Bahia na esquerda, que tocou para Gilberto completar para a rede.

Segundo tempo

Nos primeiros minutos da etapa final, o Ceará dominou a posse e se fez presente no campo de ataque do Bahia, mas sem criar oportunidades efetivas. Um lance que pode definir isso aconteceu no minuto 16. Na jogada, Mendoza ficou com a sobra de bola ma intermediária e bateu muito mal.

Aos 19 minutos, Jorginho se joga antes de um contato com Daniel. O árbitro marcou pênalti, mas logo foi direcionado ao árbitro de vídeo e anulou. O detalhe é que, no momento do apito, o Vozão chegou a balançar a rede.

Pouco ativo no ataque, o Bahia só voltou a causar perigo aos 42. Em cobrança de falta, Lucas Araújo bateu firme e a bola passou ao lado da meta.

Aos 45, Lima tentou de fora da área e mandou por cima da meta de Matheus Teixeira. Dois minutos depois, a bola subiu na área do Bahia, Luiz Otávio do Ceará ganhou na altura, mas nenhum alvinegro conseguiu completar.

FICHA TÉCNICA
Ceará x Bahia
Campeonato Brasileiro – 4ª rodada
Local: Castelão, em Fortaleza
Data: 17/06/2021 (quinta-feira)
Horário: 16h
Árbitro: Marcelo de Lima Henrique (RJ)
Assistentes: Eduardo Goncalves da Cruz (MS) e Márcia Bezerra Lopes Caetano (RO)
VAR: Pathrice Wallace Corrêa Maia (RJ)

Cartões amarelos: Mendoza, Guto Ferreira, Bruno Pacheco, Jorginho, Maycon Douglas (Ceará) / Jonas, Edson (Bahia)

Gols: Saulo (Ceará) / Gilberto (2x) (Bahia)

Ceará: Vinícius Machado; Gabriel Dias (Charles), Klaus, Messias, Bruno Pacheco; Oliveira (Marlon), Fernando Sobral, Jorginho (Vina); Lima, Mendoza (Hélio) e Saulo. Técnico: Guto Ferreira.

Bahia: Matheus Teixeira; Renan Guedes, Luiz Otávio, Juninho e Matheus Bahia; Jonas (Patrick), Thaciano (Lucas Araújo) e Daniel (Edson); Rossi (Ruiz), Thonny Anderson e Gilberto (Maycon Douglas). Técnico: Dado Cavalcanti. (BN)