EUA é o maior consumidor de café solúvel brasileiro

-
Exportação de solúvel equivale a 4 milhões de sacas. - Foto: ilustrativa/Pixabay

volume de exportações de café solúvel brasileiro chegou a quase 92 toneladas em 2019. Isso equivale a aproximadamente 4 milhões de sacas de 60kg. A marca consiste em um novo recorde para o setor cafeeiro do Brasil, com aumento de 7% em comparação com o ano anterior. 

De acordo com ranking divulgado pela Associação Brasileira da Indústria de Café Solúvel (Abics), os cinco maiores países importadores do café solúvel brasileiro em 2019 foram: os EUA, com 15,30 mil toneladas (16,6% do total exportado); Rússia, com 8,90 mil toneladas (9,7%); Indonésia, com 6,67 mil toneladas (7,3%); Japão, com 6,40 mil toneladas (7%); e a Argentina, com 5,64 mil toneladas (6,1%).

Para 2020, de acordo com relatório da Associação Brasileira da Indústria de Café Solúvel (Abics), a expectativa é de crescimento de 5% em volume de exportações de café solúvel, o que significará novo recorde. 

Consumo no Brasil

Em relação exclusivamente ao consumo interno de café solúvel no Brasil, o mercado físico atingiu 21,3 mil toneladas, que corresponde a quase 926 mil sacas de café de 60kg. Com base nessa performance, o consumo de café solúvel no Brasil registrou um crescimento médio de 4,22% ao ano, nos últimos três anos, índice superior ao do café torrado, e ao torrado e moído. Nesse contexto, vale destacar que o consumo de solúvel em 2019 teve um crescimento de 5,6%, se comparado com 2018.

No mercado interno, as perspectivas para 2020 são de crescimento próximo a 8%, o que significará o alcance de um milhão de sacas consumidas no ano, de acordo com a Abics.

Com informações da Embrapa e Abics

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui