Ex-presidente do Paraguai é alvo de mandado de prisão na Operação Lava Jato

0
30
-
Foto: Reprodução / Leading Edge

O ex-presidente do Paraguai, Horacio Cartes, é  alvo de um mandado de prisão, expedido nesta terça-feira (19), no âmbito da Operação Lava Jato. A determinação foi do juiz Marcelo Bretas, da 7ª Vara Federal Criminal, que recebe os processos da operação no Rio de Janeiro.

Segundo informações da Folha de S. Paulo, ele é suspeito de ter ocultado patrimônio com a ajuda do doleiro Dario Messer, detido em julho deste ano após meses foragido da polícia, e também alvo da operação. De acordo com a reportagem, o ex-presidente é um antigo amigo de Messer e chegava a chamá-lo de “irmão de alma”.

Além desses, Bretas expediu outros 14 mandados de prisão preventiva e três de prisão temporária.

Atualmente, Cartes é tido como um dos empresários mais ricos do Paraguai, com empresas que atuam na área do tabaco e é dono de bancos. Ele deixou a presidência do Paraguai há pouco mais de um ano, em agosto do ano passado.

Antes disso, o político tentou aprovar uma emenda constitucional que o permitisse concorrer à reeleição mais uma vez, mas denúncias indicaram que ele apresentou falsas assinaturas e o plano não funcionou.

(Bahia Noticias)

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui